expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

Translate

sábado, 27 de fevereiro de 2016

Chilochista conifera

Chilochista conifera

Origem: América-Central.

Ambiente: Quente, úmido e bastante arejado.


    Foto: Daniel Carvalho Gonçalves


Luminosidade: Meia-sombra. O ideal é que seja cultivada sob telado com proteção de 70%.

Características: É uma orquídea epífita com pseudobulbos minúsculos, folhas pequenas, lanceoladas, enraizamento abundante.

Tipo de substrato: Utilize palitos de fibra de casca de coco ou toquinhos de madeira com um pouco de esfagno para manter a umidade.

Regas: Em dias frios, uma vez por dia; em dias quentes, duas vezes por dia.

Doenças e pragas: É bastante resistente a doenças. As pragas mais comuns são lesmas e caracóis. estes se alimentam principalmente das raízes. Combata manualmente. Faça uma checagem no local à noite ou em dias mais úmidos, pois esses animais se escondem e durante o dia e em dias mais secos.



    Foto: Maria do Carmo Silva


Adubação: Quinzenal, usando NPK 20-20-20 ou outro adubo com macronutrientes equilibrados e boa dosagem de micronutrientes. Molhe abundantemente as raízes.

Floração: Ocorre na primavera. Emite uma pequena haste floral, portando até 6 flores de 2 centímetros de diâmetro, com pétalas, sépalas e labelo amarelos, maculados de marrom nas pontas.

Status ecológico: Em extinção na natureza.

Abraço orquidófilo!

Nenhum comentário: